Geração de leads: conheça as 6 melhores técnicas

(Tempo de leitura: 3 - 6 minutos)

A geração de leads é uma espécie de “problema” para todas as empresas. Afinal, sem leads, não há clientes. Sem clientes, não há faturamento. Logo, a companhia fecha as portas.

Falamos que a geração de leads é um “problema” pois ela é algo essencial que não é fácil de fazer, além de não haver uma receita de bolo que garanta um resultado nessa área.

 

Pois é. O que uma empresa faz e tem ótimos resultados não é garantido que trará leads para você. Péssimo, não é?

No entanto, se dominarmos o básico sobre o mecanismo de geração de leads, conseguimos elaborar técnicas com grandes chances de gerar ótimos resultados para você. Quer saber mais? Então siga a leitura e veja 6 técnicas ótimas para a sua empresa!

1. Gere leads com demonstrações do seu produto

Você já ouviu falar que “quem sabe, faz ao vivo”? Pois é, se assistiu ao Domingão do Faustão alguma vez na sua vida, com certeza deve ter ouvido.

O fato é que o Marketing mal-feito gera um problema para todas as empresas: a desconfiança do público. Imagine que você atue na área odontológica e ouve falar de alguém que foi ao dentista e o profissional tirou o dente errado.

Se você não treme de ouvir isso, deveria. Afinal, aquele paciente ficará duas vezes mais desconfiado e mais arredio, sendo mais difícil de convertê-lo em cliente.

Uma estratégia mentirosa de marketing, portanto, afeta todas as empresas, não só a sua. Mas há uma maneira fácil de driblar isso: afinal, quem sabe, faz ao vivo!

Uma boa técnica de geração de leads é oferecer uma demonstração do seu produto. Pode ser um período de testes, um  a sessão gratuita, enfim… se é possível mostrar um pouco do que você é capaz, mostre.

Assim, você supera as barreiras dos consumidores e gera mais leads. Além disso, mesmo que eles não fechem com você, ainda há a chance de você montar uma base de dados de contatos. Meses depois, pode voltar a contactá-los com novidades e novas tentativas.

2. Invista em Podcasts para geração de leads

O processo de geração de leads é relativamente simples: você oferece valor, o consumidor oferece um contato. É uma troca.

Uma boa maneira de fazer isso em mercados que exigem conhecimento técnico do consumidor é através da produção de conteúdo de qualidade. E os podcasts vêm se destacando nesse setor.

Imagine uma empresa que venda consultoria em investimentos. Ela pode produzir podcasts diários com pequenos resumos das notícias econômicas do dia, para os ouvintes aproveitarem no caminho para o trabalho. Resultado: uma base de leitores pronta para ser convertida em leads e clientes.

3. Use a geração de links para ser mais encontrado

Imagine que você já tem uma estratégia de geração de leads em posição. Atualmente, você atrai 1.000 pessoas por mês na sua estrutura e gera 150 leads. Ou seja: sua taxa de conversão é de 15%.

No entanto, você quer gerar mais leads. O que faz? Uma boa solução é otimizar o seu plano para aumentar a taxa de conversão. Outra boa estratégia é colocar mais gente dentro da sua estrutura.

Afinal, 15% de 2000 pessoas são 300 leads, o dobro do que você tinha antes.

Para isso, é essencial investir em SEO para ser mais achado na Internet. Uma boa forma de fazer isso é com a geração de links para aumentar a autoridade do seu domínio.

Hoje em dia, existem empresas e agências especializadas no trabalho de gerar links que são considerados de qualidade pelo Google. Um exemplo é a The Key SEO, uma agência de SEO Portugal, que ajuda a melhorar o resultado de empresas não só do país ibérico, mas também de outros lugares do mundo.

4. Utilize Influenciadores para gerar mais resultados positivos

Você sabia que o Marketing Boca-a-Boca é o mais eficaz de todos? Pois é. As pessoas confiam muito mais na recomendação de um amigo ou conhecido do que em um anúncio online.

Essa é, aliás, a base para a estratégia dos influenciadores. Atualmente, eles são uma das formas de marketing mais relevantes do mercado. São tão badalados que até a Globo criou uma personagem influencer em sua novela de maior audiência.

Por isso, encontre os principais influenciadores do seu segmento e faça uma campanha com eles. O ideal não é fazer um post promocional, mas um conteúdo que mostre o seu produto ou serviço em ação e uma recomendação.

5. Invista em conteúdo viral para as redes sociais

O que você pensa quando falamos de conteúdo viral nas redes sociais? É provável que venha a mente algum meme, vídeo engraçadinho ou alguma piada. De fato, são exemplos de conteúdo viral, mas não fazem jus ao conceito.

Um conteúdo viral é um conteúdo que é altamente compartilhável. Um meme é assim, claro, mas não é o único exemplo. Empresas podem atuar na criação de conteúdo sério, mas que ganha muitos compartilhamentos.

Quizzes, joguinhos interativos e outros conteúdos são altamente virais e podem gerar uma tonelada de leads para a sua empresa, dependendo do tipo de cliente que sua empresa tem.

6. Foque na segmentação de anúncios e conteúdos

Imagine que sua empresa produza um serviço de assinatura de um cardápio para quem quer emagrecer. É um serviço pensado por uma nutricionista profissional e especializada, com produtos orgânicos.

O consumidor recebe uma caixa com todos os ingredientes em casa e um cardápio com todos o pratos e como fazê-los. Ótimo, correto?

Agora suponha que você tem que escolher entre apresentar o produto para dois públicos. São eles:

  • 1 milhão de pessoas de todos os tipos, a maioria que não se interessa em emagrecer ou comer saudavelmente;
  • 000 pessoas que estão procurando ativamente por soluções de comidas mais saudáveis.

Quem você escolhe para apresentar seu produto? Você respondeu corretamente se escolheu a opção B. Afinal, apesar de ter muito mais gente na opção A, eles não são tão inclinados a comprar seu produto.

A taxa de conversão seria péssima (algo como 0,1%, o que daria 1.000 clientes). Enquanto isso, a opção B traz pessoas muito focadas. Por isso, não é um absurdo projetar uma taxa de conversão de 20% (10.000 pessoas), por exemplo.

Esse é o poder da segmentação. Por isso, você deverá focar seus esforços no público certo, em vez de mirar em grandes quantidades de pessoas.

E aí, gostou das nossas dicas e técnicas de geração de leads? Então comente abaixo contando pra gente qual delas você colocará em prática primeiro!