SEO para Youtube: 8 dicas para otimizar seus vídeos

(Tempo de leitura: 3 - 6 minutos)

Talvez você não tenha pensado nisso, mas o Youtube é uma poderosa ferramenta de busca, ficando atrás apenas do Google em número de acessos. Mas não basta colocar o vídeo lá e esperar que ele faça sucesso, é preciso otimizá-lo para o público certo.

Estima-se que mais de 80% do conteúdo consumido online é audiovisual, e o principal canal para isso é o Youtube: uma a cada duas pessoas que entram na internet acessam essa plataforma.

Produzir um conteúdo de qualidade, que traga informações relevantes e agregue valor ao espectador é o primeiro passo para se dar bem no Youtube. Porém, assim como acontece com os sites e blogs, o volume de pessoas oferecendo conteúdo é enorme, e é preciso ir além para se destacar.

As buscas nada mais são do que uma tentativa de resolver um problema, de encontrar soluções. Investir em SEO para Youtube é a melhor forma de garantir que os seus vídeos atinjam mais pessoas e a sua empresa possa ser encontrada dentre tantas outras.

Sem contar que um vídeo bem ranqueado não aparece apenas nessa plataforma, mas também nas pesquisas do Google. Ou seja, você está otimizando para dois motores de busca ao mesmo tempo.

Saiba por onde começar a sua estratégia de otimização de vídeos no Youtube com essas 10 dicas que separamos para você:

1- Selecione uma boa palavra-chave

Qualquer trabalho de SEO bem feito começa com a seleção de palavras-chave relevantes. Apenas escolher um termo que represente o assunto do vídeo não é suficiente, é preciso definir quais são as expressões mais pesquisadas pelos usuários, da mesma maneira que você faria no SEO para Google.

Nossa dica é pesquisar no Youtube os temos que você pensa em utilizar e analisar quais são as buscas mais comuns para aquele tema. O Google Keyword Planner é uma excelente ferramenta para conferir o volume de buscas no Google e obter sugestões.

Além disso, pesquise as palavras-chave no Google e veja se elas retornam resultados em vídeo. Esse pode ser um bom indicativo do potencial de ranqueamento daquela expressão.

2- Renomeie o arquivo antes de fazer upload

Muita gente não se atenta a pequenos detalhes na hora de fazer otimização SEO para Youtube. Um deles é o nome do arquivo que será upado, fator que também é rastreado pelos mecanismos de busca.

Antes de subir o vídeo para o seu canal, edite o nome do arquivo de forma que ele inclua a palavra-chave.

3- Crie um título e uma miniatura certeiros

Para conquistar os usuários e levá-los a assistir o seu vídeo, é importante que o título e a miniatura sejam atrativos e claros.

No caso do título, que é um elemento essencial para o ranqueamento, a palavra-chave deve estar inclusa de preferência já no começo. Ele deve transmitir qual o assunto abordado no vídeo de maneira direta: qual a dúvida que o seu vídeo irá responder?

A miniatura fará o usuário querer clicar e passar uma ideia sobre o que se trata o vídeo, de maneira concisa e realista. Evite miniaturas com “clickbait”, ou seja, que prometem algo falso apenas para chamar a atenção.

4- Elabore a descrição

Aqui, vale a pena caprichar no texto, pois também será considerado pelo robô do Youtube. Recomendamos colocar informações detalhadas sobre o vídeo, incluindo links para outros vídeos e para o seu site, um CTA convincente e solicitar aos espectadores que curtam, compartilhem e comentem no vídeo.

Tente inserir a palavra-chave nos primeiros 25 caracteres, pois apenas as primeiras linhas são exibidas. O conteúdo que vem depois será exibido apenas se o usuário clicar em “mostrar mais”.

5- Use tags

As tags oferecem um jeito eficiente de demonstrar ao Youtube quais temas são abordados no vídeo. É por meio delas que a ferramenta decide para quem sugerir o seu vídeo nos relacionados, aquela coluna que fica ao lado direito de um vídeo.

Escolha tags que sejam realmente pertinentes ao seu vídeo. Não acrescente tags que estão em alta, mas não tem nada a ver com o seu assunto, porque irá confundir os usuários.

Recomendamos que você crie de 10 a 12 tags, não mais que isso, e aproveite para utilizar sinônimos e variações da palavra-chave.

6- Adicione legendas

O Youtube permite criar legendas nativas, que servem para facilitar a compreensão e fazer a inclusão para pessoas surdas. Mas você sabia que elas também são rastreadas pelos mecanismos de busca?

Insira legendas nos seus vídeos para se destacar dos demais produtores de conteúdo. Você pode optar pela função de autogerar a legenda e editar caso haja algum erro. 

7- Crie uma playlist

Não só os textos aparecem nas pesquisas do Google e do Youtube, mas também as playlists. Elas cumprem um papel importante para o ranqueamento nesses mecanismos.

Use esse recurso para organizar os seus vídeos, agrupando-os por assuntos similares, para que o usuário compreenda melhor a proposta de cada playlist e do seu canal em geral.

Essa organização facilita que os usuários encontrem as informações que procuram, além de incentivá-los a assistir a outros vídeos da playlist.

8- Incentive o engajamento

Por último, não se esqueça de pedir para os seus espectadores interagirem com o seu vídeo, seja por meio de curtida, comentários ou compartilhamentos. A taxa de interação é determinante para o sucesso das estratégias de SEO.

Peça também para que eles se inscrevam no seu canal, já que se interessam pelo tema, mas apenas se for atualizá-lo com frequência, senão o esforço é inútil.

Quer manter os seus conteúdos sempre em dia e otimizados para os diversos mecanismos de busca? Conte com a ajuda de uma agência de marketing digital especializada.

Uma boa agência conta com profissionais altamente capacitados para cuidar do sucesso da sua empresa.

Quer saber mais sobre estratégias de marketing digital e as melhores formas de alavancar a sua empresa? Acompanhe o blog da Agência Klens.